Projeto teve como relatora a senadora Leila Barros (PSB-DF)
Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

O Senado aprovou nesta quinta-feira (13) proposta que destina R$ 1,6 bilhão a ações  emergenciais para o setor esportivo, afetado pela pandemia de covid-19 (PL 2.824/2020). O texto prevê o pagamento de auxílio para atletas e profissionais do setor, renegociação de dívidas de entidades e linhas de crédito para empresários ligados ao esporte, em especial os pequenos. Profissionais do setor esportivo terão direito a três parcelas de auxílio emergencial de R$ 600. A relatora do projeto, senador Leila Barros (PSB-DF), entende que os benefícios não são restritos aos atletas, por serem extensivos à sociedade e ao desporto nacional. O projeto, alterado pelo Senado, segue para nova votação na Câmara dos Deputados. Saiba mais na reportagem de Pedro Pincer, da Rádio Senado.

Fonte: Agência Senado
COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui