Foto: Reprodução/ WhatsApp/Cidades na Net

O município de Picos registrou 98 milímetros de chuva em menos de 24 horas. A forte chuva desta terça-feira (16), deixou ruas e avenidas da Cidade Modelo alagadas, além de engarrafamentos em diversos pontos. As informações são do portal Cidades na Net.

O Corpo de Bombeiros de Picos afirmou não ter recebido nenhum chamamento.

De acordo com o climatologista, professor Werton Costa, o município recebeu uma chuva que pode ser caracterizada como extrema.

“A Rede Independente de Monitoramento Estação 21 registrou na Cidade Modelo o acumulado de 98 milímetros no intervalo inferior à 24 horas. Essa é uma chuva que nós podemos categorizar como extrema, já tínhamos uma condição de alerta laranja extensivo a quase totalidade do estado do Piauí, abrangendo desde a faixa da grande Teresina, parte da faixa sudoeste serradeira e parte da faixa sertaneja que abrange a microrregião”, informou.

Foto: Reprodução/ WhatsApp/Cidades na Net

O climatologista Werton Costa destaca medidas preventivas que devem ser tomadas por conta de fortes temporais. “Em caso de temporais severos e de alertas laranjas, que são alertas de perigo real, as recomendações clássicas são sempre válidas, principalmente, no que diz respeito à questão da trafegabilidade, de evitar áreas de risco como encostas de morros, margens de lagoas e rios. No caso das descargas elétricas, evitar se abrigar embaixo de árvores, evitar estar em áreas livres como em campos de futebol e piscinas de clubes, e mesmo dentro de casa não se posicionar na frente de varandas e janelas ou utilizar equipamentos elétricos conectados à rede”, afirmou.

Foto: Reprodução/ WhatsApp/Cidades na Net

Ainda conforme Werton Costa, a meteorologia prevê chuvas para o resto da semana. “Segundo as projeções da meteorologia nacional e local, nós estamos sob atuação da zona de convergência intertropical que é o principal sistema promotor de chuvas no Nordeste. Ela está bem próxima da costa nordestina e está influenciando a dinâmica atmosférica, gerando as famosas instabilidades, que são os núcleos ou nuvens de temporais. Esses temporais devem continuar ao longo da semana com chuvas de diferentes intensidades, afinal é bom lembrar que nenhum temporal é igual a outro, então há perspectiva de temporais moderados e fracos durante a semana”, frisou.

VEJA O VÍDEO:

Fonte: 180graus
COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui